Animação Cultural nos CIEPs

/, história das escolas/Animação Cultural nos CIEPs

Animação Cultural nos CIEPs

Por Jéssica Azevedo e Scarlet Rocha (Graduandas História/UFRJ)

O trabalho da Animação Cultural se mostra muito importante quando pensamos na intenção dos Centros Integrados de Educação Pública (CIEPs). Esse novo modelo de escola foi direcionado aos alunos das classes populares com o objetivo de aumentar as oportunidades educacionais, o acesso à cultura, ao lazer e aos cuidados de saúde até então negados a esses estudantes e seus familiares. Dessa forma, o espaço da escola era gestado para além da sala de aula, tendo as manifestações culturais e artísticas como indispensáveis na formação do indivíduo e incentivando eventos como, por exemplo, exposições, shows, bandas, apresentação de filmes e vídeos.

Além do mais, as atividades culturais e de lazer contavam com o envolvimento das populações locais e de todos os segmentos da escola com o intuito de promover uma transformação na cultura escolar e na comunidade em seu entorno. Nesse sentido, o projeto CIEP utilizava de seu espaço como um equipamento cultural contra a falta de acesso e fomentador de uma emancipação das classes populares. Sendo assim, os CIEPs buscavam afirmar a ligação entre a educação e a cultura, atuando no resgate do papel político-social da escola, na relação com a comunidade ao seu redor e na transmissão de um conteúdo cultural.

No próximo post falaremos sobre a arquitetura e a padronização dos CIEPs, aspecto importante para entender a dimensão do projeto.

By | 2022-05-25T18:55:45-03:00 maio 31st, 2022|a escola na cidade, história das escolas|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment